Saudades… No céu? Parte II

Aqui estamos nós de novo, caro leitor. Tanto tempo nos separou, que presumo que minha resposta foi mais que bem respondida. Afinal, saudades… no céu? Se veremos tudo com os olhos de Deus, e Deus vê tudo presente, como rememorarmos fatos de um passado não existente? Mas, se o céu é todo felicidade, como não existir as alegrias das saudades?

Antes de dar a solução, é necessário que esclareça um pontinho acerca do tema, para cairmos de sobeja na verdade.

Se tivermos a graça de, partindo desta vida, irmos para o céu, seremos beneficiados com a maior das graças: o convívio eterno com Deus. E, com mais alegria, sabemos que Deus nos emprestará sua visão, para olharmos os fatos da História com Sua Divina perspectiva.

E aí que está, caro leitor. Deus vê toda a história com um lance de olhar, ou seja, tudo no presente. Nós, porém, ao contemplar tudo com os olhos de Deus, não escaparemos do presente, do passado, ou do futuro. Nós poderemos mirar qualquer ponto da História que quisermos, em qualquer época, só que em momentos diferentes. Será, mais ou menos, como um binóculo que nós colocaremos: com ele vemos melhor, mas cada olhar corresponde a um período que queiramos ver de novo.

Assim, as saudades, tão saudáveis aqui na terra, não acabarão no céu. Pois, da eternidade, pode ser que fiquemos com vontade de ver as antigas eras de nossa vida, e, por benefício de Deus, ainda poderemos retornar ao que desejamos. Por exemplo: podemos sentir saudades do tempo em que passamos com nosso pai, que tanto amamos. Aqui na terra, limitam-se somente as lembranças; no céu, porém, não haverá limites.

Respondida a pergunta, caro leitor? Ficou satisfeito com a resposta? Agora sim, podemos dizer: Saudades? No céu!

Uma resposta para “Saudades… No céu? Parte II”

  1. Salve Maria , filhos (as) de Maria Santíssima ! Estas mensagens são ricas de sabedoria e entendimento , pois nos ensina com clareza as palavras aqui escritas . Eu louvo e Agradeço a Deus , e entrego toda a minha vida , e tudo o que me pertence , no passado , presente e futuro ! E que sejamos beneficiados de receber a maior das graças , o convívio ETERNO COM DEUS ….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *